Jair Grutzmann volta a pedir informações sobre convênio com escola agrícola

Pedetista pediu que Executivo estude criação de programa para repassar semente de milho ou ureia aos agricultores

Jair Grutzmann fez uso das explicações pessoais

 

O vereador Jair Grutzmann (PDT) usou o espaço de explicações pessoais da Câmara de Vereadores de Boqueirão do Leão para novamente pedir à administração municipal a que ponto está às tratativas visando firmar convênio com a Escola Família Agrícola (EFA) de Santa Cruz do Sul, onde 12 alunos do município estudam. “Agora na semana que passou fizeram uma reunião e no final da mesma os pais dos alunos daqui foram chamados para um lado, onde foi comentado que Boqueirão não tem convênio com a instituição”, comentou ao dizer que os adolescentes ficam lá uma semana e uma semana em casa e quando estão lá fazem 6 refeições diárias, além de terem à disposição o alojamento, o que gera custo. “Peço que o líder do governo nos traga o que está faltando para ser assinado esse convênio”, pontuou Grutzmann ao citar que incentivar esses alunos é ajudar até mesmo na área da saúde, já que trabalham com produtos sem agrotóxico.

Disse ter falado com o secretário de Obras que prometeu para breve a reparação do ponto de iluminação pública próximo a propriedade do senhor Darni Bergonci. Também segundo o vereador, o secretário prometeu fazer a desobstrução de bueiro (valeta) na Rua 25 de Julho, onde há mau cheiro que está retornando às residências.

INDICAÇÃO
O pedetista apresentou indicação solicitando que o Executivo Municipal estude a possibilidade de criar programa destinado à agricultura, onde os produtores que tirarem R$ 10 mil de nota podem escolher se querem semente de milho ou ureia (até cinco sacos por produtor).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *