Jair Grutzmann diz que valor do empréstimo ainda é elevado e o prazo longo

Vereador relembrou colocação do contador durante audiência pública

 

Diante da retificação enviada à Câmara de Vereadores que reduz de 3,2 para 2,4 milhões de reais o valor do empréstimo proposto pelo Executivo Municipal de Boqueirão do Leão junto a Caixa para pavimentar ruas, revitalizar praças e comprar máquinas, o vereador Jair Grutzmann (PDT) disse durante sua manifestação no espaço de explicações pessoais da sessão ordinária desta terça (25) que ainda considera o valor elevado e o prazo de 10 anos para pagar muito longo, mesma posição manifestada ao vereador por muitos moradores do município, tanto da cidade como do interior. “Quando o projeto se tornou público, a maioria das pessoas que moram nas ruas beneficiadas ficou contente, mas deve ficar bem claro que eles também terão de pagar”, falou ao reafirmar que muitos moradores inicialmente pensaram não ser necessário pagar a pavimentação. Grutzmann disse ainda que o projeto original foi mais ou menos detalhado quanto seria pago, mas com a redução do valor isso não está esclarecido. “Os colegas devem concordar comigo que se o valor fosse menor seria mais fácil de pagar. Dessa maneira, e de acordo com o que disse o contador do Município na audiência pública, ficará bem difícil para pagar, devendo ser reduzidos investimentos em outras áreas, como saúde, educação e agricultura”, destacou ao lembrar que sempre haverá precatórios a serem pagos. “A população contra está pensando no futuro do Município”, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *