Perseguição policial em Sério termina com 3 bandidos e uma brigadiana mortos

Polícia fazia buscas a suspeitos de terem roubado duas camionetas em Venâncio Aires

Foto: Reprodução Facebook

Marciele estava lotada no POE em Santa Cruz do Sul

Foto: Divulgação BM

Três criminosos morreram na ação

Depois da chacina que vitimou 4 pessoas há cerca de 15 dias, o município de Sério foi palco de mais quatro mortes violentas. O fato ocorreu na tarde desta segunda-feira (25) durante buscas a um grupo de criminosos suspeitos de terem roubado duas camionetas na cidade de Venâncio Aires. Durante a fuga ao menos três assaltantes foram baleados e mortos. Marciele Renata dos Santos Alves, 28 anos, policial militar do POE de Santa Cruz do Sul que participava das buscas, foi atropelada pelos bandidos e também veio a óbito. Informações iniciais dão conta que um quarto criminoso também foi baleado e preso.

De acordo com o Portal Gaz de Santa Cruz do Sul, o comandante Regional da Brigada Militar no Vale do Taquari, Coronel Andre Idalmir Savian Juliane, disse que a policial atropelada e morta era natural de Cachoeira do Sul e concluiu o curso de formação da BM em 2012 em Lajeado. “Infelizmente saímos de casa para trabalhar e não sabemos se voltamos, mas cumprimos o nosso juramento”, disse.

Ainda segundo o portal Gaz, os bandidos haviam roubado dois veículos em Venâncio Aires nesta segunda-feira e feito reféns. Após fugir pela BR-386, o trio acabou encontrando os policiais em Sério quando tentava chegar a Lajeado. Os policiais realizavam acompanhamento tático quando o Corsa preto que atuava como batedor atropelou a brigadiana, que ficou gravemente ferida. Ela foi encaminhada ao Hospital de Caridade São José, em Sério, onde não resistiu aos ferimentos e morreu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *